Publicado por: falmeida222 | Junho 2, 2009

O melhor jogador português de sempre: Luís Figo

Luís Figo

1171554525

«Pelos campos do mundo senha e signo

ele não desiste e nunca se repete

e em cada rua é um menino

de camisola número sete.

Pelos campos do mundo seu nome é quem nos diz

ele corre e finta e dribla e com seus pés

pelos campos do mundo escreve outro destino.

Por isso diz-se Figo e é um país

com ele o sonho é português», escreveu o poeta Manuel Alegre

Início da Carreira

Luis Filipe Madeira Caeiro Figo nasceu a 4 de Novembro de 1972, de família humilde, sempre teve de se esforçar para conseguir a carreira que construiu até hoje.

 Figo com 1 ano de idade

Figo com 1 ano de idade

Figo, começa a sua carreira num pequeno clube de bairro denominado “OS PASTILHAS”, desde logo começa a mostrar toda a sua habilidade para o futebol, mas de certo aos 10 anos nos Pastilhas não se imaginava a capitanear uma das melhores equipas do mundo, o Barcelona, recheada de estrelas internacionais, e dirigida pelos melhores treinadores do mundo, onde depois seguirá para o Real Madrid e mais tarde para o Inter de Milão!

Figo Pastilhas2

Figo no seu primeiro clube:"OS PASTILHAS"

Os Primeiros Passos

Rapidamente Figo mudou-se para um clube em que pudesse expandir todo o seu potencial futebolístico, entra assim num dos grandes clubes portugueses, o Sporting, e obtém dois grandes títulos a nível da Selecção de jovens: O Campeonato Mundial de Júniores em 1991 em Lisboa, com outros jogadores portugueses de nível internacional, como João Pinto, Rui Costa, etc., e ganha também o Campeonato da Europa de sub-16 em 1989. Mas a sua estreia no Sporting surgiu na época de 1989/1990, com apenas 18 anos de idade. Figo alcança a equipa principal do Sporting disputando apenas 5 jogos nessa época.Figo SCP
Mais 5 épocas de grande nível no Sporting e Figo torna-se rapidamente num dos melhores jogadores portugueses, conquistando pelo  Sporting uma Taça de Portugal, triunfo que fugia ao Sporting desde 1984. No fim da época de 1994/95, Figo era um dos jogadores mais cobiçados da Europa, e tinha todos os grandes clubes dos melhores campeonatos europeus interessados no seu serviço.
Figo chegou mesmo a assinar contrato com Parma e posteriormente com a Juventus o que levou a  que Figo ficasse impedido de alinhar no campeonato italiano por um período de 2 anos. O Barcelona soube disto e não se poupou a esforços para garantir o contributo do sportinguista, pela quantia de 400 mil contos, que foi uma quantia escassa para o imenso valor do camisa “7” sportinguista.

A Confirmação e a Fama

Chega assim a Barcelona pela mão de Johan Cruyff, um dos melhores treinadores mundiais da altura, que considera Figo, um dos mais talentosos jogadores do momento.
Com tantas estrelas na equipa,Cruyff, não hesita e coloca o nº7 português a titular, e com frutos já que Figo  tornou-se um dos jogadores mais influentes na equipa. O Barcelona de Figo, alcança inúmeros êxitos, com a chegada de Ronaldo, Figo começa a tornar-se o estratega da equipa, ajudando Ronaldo a tornar-se o melhor ponta-de-lança do mundo, com os seus cruzamentos e assistências fatais. Com a chegada de Vítor Baía e Fernando Couto a Barcelona, Figo ganha mais confiança e torna-se nesse ano o capitão da equipa, na ausência de Guardiola, levantando mesmo o troféu correspondente à antiga Taça das Taças.
446363_mediumsquare Com a chegada do novo treinador Van Gaal, os portugueses Vítor Baía e Fernando Couto não resistiram devido à colonização holandesa do Barcelona por parte de Van Gaal, mas Figo voltou a mostrar-se preponderante e levou às costas a sua equipa conquistando 2 campeonatos espanhóis para o Barcelona.
Figo alcançou tamanha importância em Barcelona que se tornou um dos maiores ídolos em Espanha juntamente com grandes nomes do futebol mundial como Rivaldo, Luis Henrique, Kluivert e tantos outros que compunham o plantel do Barcelona. Figo ficou na história do Barcelona como um dos melhores jogadores e capitães da década de 90.
Ainda hoje é considerado um dos melhores jogadores de sempre do Barcelona. Valdano dizia que ele jogava sempre tão bem, que quando jogava menos bem, mesmo assim o fazia de forma brilhante.
Depois das grandes exibições no Euro 2000, foi cobiçado por clubes como o Manchester United, Real Madrid, Lázio, Milão, etc., mesmo com a claúsula de rescisão de 12 milhões de contos, muitos clubes não hesitaram em tentar transferir para as suas equipas o melhor jogador mundial do momento.

Figo Real

No dia 24 de Julho, tornou-se o jogador mais caro do mundo quando o Real Madrid pagou 12 milhões de contos com um salário  perto dos 95 mil contos na altura.
Figo ganhou em 2000, a Bola de Ouro da France Football, e ficou em segundo na Bola de Ouro da FIFA,em 2001, e ficou em sexto na Bola de Ouro da France Football.

Na época 2005/2006 tranferiu-se para o  Inter de Milão onde mais uma vez foi campeão nacional na primeira época ” desta vez na secretaria”” devido à polémica que houve em Itália.  Numa carreira recheada de títulos, ganhou mais 3 de campeão italiano nas épocas seguintes, ao serviço do Inter, tendo em muito contribuído para o sucesso da sua equipa!

O triste final

A 17 de Maio de 2008 Luís Figo anunciou  que iria abandonar a carreira de futebolista e que apenas continuava como atleta profissional se recebesse algum convite vindo de fora da Europa.

268532

“Não jogarei mais ao mais alto nível. E em princípio não aceitarei mais nenhum convite. Só se aparecer alguma coisa especial e sempre fora da Europa… Mas em princípio não”, revelou o jogador  em Milão, após a derrota do AC Milan que deu o título italiano ao Inter.

Títulos

Sporting

  • Taça de Portugal: 1995

Barcelona

  • La Liga: 1997-98, 1998-99
  • Taça do Rei: 1997, 1998
  • Supertaça da Espanha: 1996
  • Taça dos Clubes Vencedores de Taças: 1997
  • Supertaça Europeia: 1997

Real Madrid

  • La Liga: 2000-01, 2002-03
  • Supertaça da Espanha: 2001, 2003
  • Liga dos Campeões da UEFA: 2002
  • Supertaça Europeia: 2002
  • Campeonato Mundial de Clubes: 2002

Internazionale de Milão

  • Serie A: 2005-06, 2006-07, 2007-08, 2008-09
  • Taça de Itália: 2006
  • SuperTaça de Itália: 2005, 2006, 2008

Portugal

  • Campeonato do Mundo FIFA: (4º lugar) 2006
  • Campeonato Europeu de Futebol: (2º lugar) 2004, (3º lugar) 2000
  • Campeonato Mundial de Futebol Sub-20: 1989, 1991

Individuais

  • Ballon d’Or: 2000
  • Melhor jogador do mundo pela FIFA: 2001
  • Melhor jogador do mundo pela FIFA: (2º lugar) 2000
  • Prémios da Copa do Mundo FIFA: 2006
  • FIFA 100
  • Equipa do ano da UEFA: 2003
  • Jogador português do ano: 1995, 1996, 1997, 1998, 1999, 2000
  • Bola de Ouro portuguesa: 1994
  • Melhor jogador português nos últimos cinco anos (A Bola)
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: