Publicado por: falmeida222 | Julho 15, 2010

Estreias da Semana:”DIA E NOITE”;”O ESCRITOR FANTASMA”;”VÃO-ME BUSCAR ALECRIM”

DIA E NOITE
M12|ACÇÃO, COMÉDIA, THRILLER
|EUA|109m

Realização: James Mangold
Argumento: Patrick O’Neill
Intérpretes: Tom Cruise, Maggie Grace, Cameron Diaz, Peter Sarsgaard, Marc Blucas, Viola Davis, Jordi Mollà, Paul Dano, Falk Hentschel, Marc Blucas, Lennie Loftin
IMDB: 6,7 /10 (6 234 votos)

null

“Dia e Noite”, o novo filme de James Mangold, traz o regresso de Tom Cruise e Cameron Diaz ao grande ecrã. Com muita habilidade para matar, pilotar aviões, e até andar em cima de carros, Tom Cruise revela-se em grande neste novo filme. Cameron Diaz, que volta a interpretar com Cruise depois de Vanilla Sky (2001), é a sua companheira num filme que promete juntar muita acção e comédia. “Dia e Noite” tem estreia mundial prevista para o dia 2 de Julho de 2010. Em Portugal, a estreia está prevista para o dia 15 do mesmo mês.

June (Cameron Diaz) é uma mulher solteira que espera mudar a sua vida ao marcar um encontro às escuras com Milner (Tom Cruise). Porém, ela não tem sorte.

Milner leva-a para uma aventura cheia de perigo, onde ninguém é o que parece. Aos poucos, ela começa a desconfiar que esteja a envolver-se com um espião.

Depois de tanta aventura, June terá de decidir se Milner é um vilão ou a única pessoa em quem pode realmente confiar!

O ESCRITOR FANTASMA
M12|DRAMA, MISTÉRIO, THRILLER
|FRANÇA|128m

Realização: Roman Polanski
Argumento: Roman Polanski, Robert Harris
Intérpretes: Ewan McGregor, Pierce Brosnan, Kim Cattrall, Olivia Williams, Tom Wilkinson, Timothy Hutton, Eli Wallach
IMDB: 7,8 /10 (8 328 votos)

null

No filme “O Escritor Fantasma”, Ewan McGregor interpreta um escritor contratado para escrever as memórias do antigo Primeiro Ministro britânico Adam Lang (Pierce Brosnan). Mas quanto mais ele aprofunda o passado do biografado, mais ele vai descobrindo segredos que os podem destruir a ambos. O filme é uma adaptação do romance “The Ghost”, de Robert Harris, e integra ainda no elenco Kim Cattrall, Olivia Williams, Timothy Hutton, Tom Wilkinson e Jim Belushi.

Um escitor-fantasma (Ewan McGregor) aceita o encargo de terminar de escrever as memórias do Primeiro-Ministro brtitânico, Adam Lang (Pierce Brosnan). Viaja, a meio do Inverno, para uma casa com vista para o mar, numa ilha próxima da costa leste dos Estados Unidos, com o intuito de começar a trabalhar no projecto.

Mas no dia seguinte à sua chegada, um antigo ministro acusa Lang de autorizar a captura ilegal de suspeitos terroristas e de os entregar à CIA para serem submetidos a tortura – um crime de guerra.

A acusação traz uma multidão de repórteres e manifestantes à mansão da ilha onde Lang vive com a sua mulher, Ruth, e a sua assistente pessoal (e amante), Amelia.

À medida que o escritor vai avançando com o seu trabalho, começa também a descobrir pistas que apontam para uma ligação sinistra de Lang à CIA… e que, de alguma maneira, esta informação se encontra encoberta no manuscrito que lhe foi entregue.

VÃO-ME BUSCAR ALECRIM
M12|COMÉDIA, DRAMA
|EUA|100m

Realização: Ben Safdie, Joshua Safdie
Argumento: Ben Safdie, Joshua Safdie
Intérpretes: Ronald Bronstein, Sage Ranaldo, Frey Ranaldo, Ted Barron, Jake Braff, Larry Chamberlain, Wayne Chin, Abel Ferrara, Dakota Goldhor
IMDB: 7,2 /10 (206 votos)

null

O filme “Vão-me Buscar Alecrim”, da dupla nova-iorquina Josh e Benny Safdie, foi o grande vencedor da última edição do IndieLisboa, arrecadando o Grande Prémio da competição oficial do festival lisboeta. O filme inspira-se na própria infância dos realizadores e respira um aroma de John Cassavetes.

“Vão-me Buscar Alecrim”, escrito e realizado pelos irmãos Josh e Benny Safdie, é um ensaio sobre as angústias de um pai que passa tempo a menos com os filhos e que nas duas semanas que tem para usufruir da companhia deles pretende que tudo seja perfeito.

Mas o caos da sua vida normal sobrepõe-se a esse desejo, expondo-o e aos miúdos gémeos a situações que oscilam entre a comédia e o drama.

Lenny vive num minúsculo estúdio de Nova Iorque, trabalha como projectista e tem uma relação amorosa instável. Apesar da paixão que sente pelos filhos, não consegue ter uma relação saudável com eles: ao tentar ser o pai mais cool possível, não estabelece fronteiras e é mais um colega de brincadeiras do que uma figura paternal.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: